Logo Up4 Invest Logo XP Investimentos
menu

Atendimento
por telefone

19 3835-0814

29
Jul

Como saber a hora certa de investir meu dinheiro?

Como saber a hora certa de investir meu dinheiro?

Se você está interessado em fazer investimentos, é comum ter dúvidas sobre como identificar a melhor hora para investir dinheiro. Além disso, existem diversas alternativas no mercado financeiro, o que pode dificultar ainda mais o início dos aportes.

Mesmo que você tenha pouco dinheiro disponível, começar a investir é fundamental para rentabilizar o capital e acumular recursos. Para tanto, é necessário poupar e tomar decisões adequadas de investimentos.

Pensando nisso, você aprenderá neste post como investir dinheiro de acordo com o seu perfil e os seus objetivos. Continue a leitura e confira!

Qual a importância de investir?

Investir ajuda a garantir maior segurança financeira no futuro. Isso é fundamental para ter uma maior qualidade de vida, por exemplo. Além disso, a situação financeira favorável é importante para realizar objetivos que dependam de maiores recursos, como a aquisição de um bem ou a realização de uma viagem.

As condições de vida também podem mudar ao longo do tempo e é necessário estar preparado para novas situações e desafios. Como exemplo, vale citar situações como perda de emprego, emergências de saúde ou despesas inesperadas.

Nesses casos, ter uma reserva financeira nos garante melhores condições para superar as dificuldades. Lembre-se de que a falta de dinheiro pode ser um fator complicador para os problemas do dia a dia e levar ao endividamento.


O que considerar antes de investir?

Depois de entender a importância de investir, é importante saber o que considerar antes de começar os seus aportes. O primeiro passo é conhecer o seu perfil de investidor. Afinal, cada pessoa tem um nível de tolerância a riscos e existem alternativas de investimentos adequadas a todas elas.

Portanto, essa classificação ajuda a guiar a escolha dos melhores investimentos. Os perfis podem ser: conservador, moderado e arrojado. O primeiro tem menor tolerância aos riscos e preza por alternativas mais seguras.

O investidor moderado tem maior abertura ao risco, mas busca equilibrar a carteira considerando o nível de segurança. Já quem tem um perfil arrojado possui maior propensão a correr riscos em busca de melhores oportunidades de retorno. 

O segundo ponto é ter em mente os seus objetivos pessoais antes de fazer o investimento. São os seus planos que ajudarão a definir as melhores escolhas para investir. Ademais, é fundamental definir prazos para as suas metas e conhecer as alternativas disponíveis no mercado.

Quando começar a investir?

É importante ter em mente que começar a investir agora é melhor do que perder as oportunidades por esperar uma situação mais favorável. Isso vale mesmo que você tenha pouco dinheiro disponível.

Investir todos os meses, mesmo valores menores, ajuda a construir patrimônio e a rentabilizar o capital. Pense que quanto mais cedo você se tornar um investidor, maior será seu capital no futuro. Além disso, começar assim que possível ajuda você a se familiarizar com os investimentos.

Quando você conhece melhor as opções do mercado, terá melhores condições para identificar e aproveitar as possibilidades que surgem em diferentes momentos.

Como começar a investir dinheiro?

Como você viu, é fundamental começar a investir o mais cedo possível. Não espere ter mais dinheiro para fazer os aportes, pois você pode perder boas oportunidades. Ainda, a antecedência fará com que você tenha mais capital acumulado no futuro.

Entenda agora como começar a investir seu dinheiro:

Comece pela reserva de emergência

O primeiro passo para quem vai começar a investir é montar uma reserva de emergência. Ela é fundamental para promover tranquilidade em momentos de imprevistos financeiros, como em caso de perda de renda ou custos inesperados. 

Em geral, ela corresponde a, no mínimo, 6 meses do seu custo de vida mensal. O montante pode ser maior, de acordo com as suas necessidades e da sua família. Porém, um ponto importante é que esse dinheiro deve ser investido para manter o poder de compra ou reduzir os impactos da inflação.

No entanto, é essencial que o investimento seja seguro e tenha alta liquidez. Dessa forma, você pode contar com o valor a qualquer momento, proporcionando maior tranquilidade. 

Escolha investimentos adequados aos seus objetivos

No mercado financeiro, é possível encontrar alternativas de investimento com diferentes rentabilidades, liquidez e riscos. Como você viu, a escolha deve se basear no seu perfil e nos seus objetivos.

Investimentos focados na aposentadoria podem ter prazos mais longos, por exemplo. Nesses casos, é possível escolher opções com baixa liquidez e chances de maior rendimento. Já no caso da reserva de emergência, como você já sabe, a liquidez deve ser elevada para garantir a disponibilidade financeira.

Isso mostra que, antes de realizar cada aporte, é importante pensar a finalidade do investimento e definir quais características são prioridades em cada decisão.

Diversifique a carteira

A diversificação é uma estratégia usada para o manejo de risco da carteira de investimentos. Uma carteira com potencial de rentabilidade e níveis de riscos variados permite ter mais segurança.

Se todo o seu dinheiro está alocado em uma única alternativa, como em ações, quedas no mercado podem fazer com que sua carteira sofra grande impacto. Porém, se existirem outras alternativas no portfólio, é possível que os resultados se equilibrem.

Para diversificar a carteira, é importante respeitar o seu perfil. É possível investir em renda fixa e variável em proporções diferentes, por exemplo. Ao combinar diferentes opções, você pode aproveitar os benefícios de cada uma delas.

Conte com uma assessoria de investimentos

Por fim, você pode contar com o serviço de assessoria de investimentos para conhecer o mercado. Ele é prestado por assessores de investimentos capacitados para auxiliar os clientes na tomada de decisões financeiras.

Para isso, o profissional esclarece dúvidas sobre as alternativas do mercado e apresenta possibilidades de investimento adequadas ao seu perfil e objetivos. Depois, cabe ao próprio investidor fazer as escolhas e montar a carteira conforme as suas necessidades.
Vale ressaltar que não há custos para o investidor, pois o serviço é ligado a uma corretora de valores. Assim, você pode iniciar seus aportes de maneira mais alinhada às suas expectativas graças a esse suporte.

Agora você sabe como investir dinheiro de maneira adequada, considerando seu perfil e objetivos. Com conhecimento, é possível fazer escolhas mais acertadas e começar a investir até mesmo com valores mais baixos. Dessa maneira, você pode conquistar bons resultados no futuro e acumular patrimônio!

Quer começar a investir? Entre em contato conosco e conte com o suporte do nosso escritório de assessoria de investimentos!
 

Ver todos os artigos